fechar

Documentação Científica

A SPRAçores foi criada em Outubro de 2006 com o objectivo de gerir e promover áreas de interesse ambiental, como bacias hidrográficas e zonas costeiras. 
A sua equipa é composta por um engenheiro civil, um arquitecto, um gestor, um jurista, um engenheiro florestal, um gestor de recursos naturais, um engenheiro de horticultura e um designer de jardim, um assistente administrativo e uma equipa no terreno de seis elementos.
Para além destes colaboradores, esta entidade conta ainda com a participação de várias associações e órgãos governamentais. Actualmente, concentra a sua actividade na ilha de S. Miguel, debruçando-se essencialmente sobre a bacia hidrográfica da Lagoa das Furnas - onde se constata um avançado estado de eutrofização das águas.
A SPRAçores está a intervir em aproximadamente 250 ha de pastagens. As bacias das lagoas estão a ser igualmente sujeitas a um processo de requalificação arquitectónica e paisagística.
A bacia hidrográfica da Lagoa das Sete Cidades está também a ser alvo de intervenção, ainda que a uma escala inferior já que se tem vindo a constatar uma melhoria significativa da qualidade da água. Seguir-se-ão entretanto as bacias hidrográficas de cinco lagoas na ilha do Pico, também elas sujeitas a um processo de "requalificação". 

Saber mais 

    Desenvolvido por CITI - Centro de Investigação para Tecnologias Interactivas